segunda-feira, 30 de junho de 2014

Corte Partidário

Meu cão baba na noite.
A esfera suja de tinta ...
Rapto de árvore presidencial!

Sabem desenhar com árvore?
Alma de gato corre galho acima!
Leitores digitais sem raízes ...

Velhos repetem histórias velhas.
Enredo de CURTAS desenho ...
Ruas programadas por televisão.

Serpente vermelha de cupim!
Emprestem-me seus jogos!
Mesmo no barco sem leme ...

Rasparam os tendões de Aquiles.
Isto só se parece com aquilo aqui!
Onda de Brasiliense é inocente ...

Perdidos No Espaço Sem Pipoca

Os irmãos cones e o amigo hidrante estão repreendendo aquele cavalete de ferro dizem que estilo pra posar ele tem mas quando anda se arrasta de bunda pra dentro feito seu boneco aquela coisa cadeia a nave espacial disfarçada de komb pede uma MH pra olhar dentro sem câmera pro bate papo ela nem deve existir apenas lorota de uma saudosista da cidade destas apaixonadas por cultura enquanto bate pernas por aí por aqui acolá dentro daquele deixa estar de Vovó cones hidrantes e cavaletes nascem nesta praça com qualquer clima só pra sujar a arquitetura do lugar coisa de pirraça brasileira monstros na era da tecnologia com réplicas-brinquedos fan-clube desenho animado seguidores etc e tao te ching lá oh tsé-tsé sono anda que acaba frio na garrafa azul há café mais uma pitada de rapé ...       

domingo, 29 de junho de 2014

Bandeiras Do Planalto

Pintou uma go pro por quatrocentos quero sim se for da nova e estiver funcionando pelo jeito não compraram pois estou ouvindo eles chegarem mas como eu estava falando meti a orca peguei a b`coool e desci pro pontão assim que fiz a curva na ponta do lago peguei um mendigo lavando roupa passei pelo pórtico sem cumprimentar os guardas virei pra direita fui pro fundo desci encostei a bike numa árvore tirei a máquina dá bolsa-garupeira deitei de bruços e com 2400mm fiz o mendigo lavando roupa vermelha com um carro por cima e o lago por baixo levantei mirei pro outro lado e peguei a ponte distante depois remadores com garças acompanhando homens tomando banho menina lendo árvores retorcidas ainda passei na mormaii o gustavo me pediu duzentos à mais que no site pela st 70 -réplica- falei que quero ver o material pegar sentir as peças e a montagem dar uma volta ele ficou de arranjar dia maravilhoso toquei redondo ainda parei no morrinho do lixo e fiz salto de parapente bike descendo mas só vou mostrar depois que acabar o noturno-cl. 

_Este sol da meia noite está torcendo pro Brasil!

Vamos Gozar Coletivo?
Nação!
Estes nomes históricos,
Jornal?
Paralelepípedo de gaveta!
Ele está convocando o país pra bater uma pelada?
Interpretação!
As entrelinhas batem caladas.
Todos de palmeiras imperiais nas mãos?
Toquem pro tribunal de contas da união!
Komb traduzida do Alemão para o Português é Combinar?
Senha!
Aleluia irmãos consagrem o idiota no salão?
O Checo pediu rimas com til!
Desloque seu furo de agulha tres milímetros pra esquerda?
Atenção!
Opereta comove o coletivo?
Motora, toca pro convento!
 


   

sábado, 28 de junho de 2014

_Esta não é a mesma foto da manhã!

Olha a Kombi aí Filipão!
Me deixa verde!
Seleção Ney Mar!
Bota o Paulinho pra jogar Bernard no lugar do Fred troca o ruqui pelo goleiro reserva...
Senta igual gente e veja o jogo Filipau!
E aquela no travessão-
?
Você entendeu a equação do desespero que o boca murcha te passou?
Heim Filipinho!?
Penalt`s nas próximas...
Seu verde até quando acerta erra a mão.
E a coragem de por os reservas + o Neymar?
Não Há, Né teimoso!?
O quê que o meu Neto vai pensar?
Distribua o clichê Deus É Brasileiro!
Sou Colômbia e dou um gol!
Coloca o Neymar no congelador, quem sabe ele faz 3 na próxima...
Mexe neste time véi!
BRAZIL! 


_Julião lavava a louça da Dona Cucuia pra comer!


Um tema qualquer escolher um lado é seita a historiadora de óculos de gatinha sonha com palmeiras imperiais nem futebol nem polititica não sei se torço pelo seu frenesi ou por sua tristeza Mistral mas que Bandeira não quero gritar coletivo com outras intenções o grito pobre o silêncio nobre aqui onde fiquei só de madrugada refletindo sobre cada gesto de comparação minhas analogias borbulhavam luz o cinema da guerra injeta morfina na dor da ex-estrela não me deslocarei com um conhecimento que sei não ter de palestras em palestras atrás de centavos de cartões postais aquele que ficou dia e noite de plantão nos palácios conhece bem o lixo e a manutenção as baratas e o bafo do príncipe desespero de quem junta e de quem dá no país campanhas ridículas organizações tendenciosas a agenda do palhaço o compromisso da trapaça um auditor em estágio probatório é mandado ao rio teste se fizer mesmo a auditoria na ponta do lápis será diretor de uma mesinha em um canto qualquer dona Cucuia e seu bom bocado no lanche da tarde pelos fundos do legislativo pode ficar com o Neruda sem ler depois baixo outro só Neymar pode nos salvar ...     

sexta-feira, 27 de junho de 2014

Câmaras. Prédios. Pilastras. Congresso.

 Travou. Destilo. Destro. Trave. Labirinto. Nave. Neve. Lábio.
Biológico. Lógica. Logos. Bioma.
Serpente. Cabelo. Cabe. Ser.
Movimento. Interno. Inter. Move.
Felix. Lixo. Lixa. Feliz.
Passarinho. Nina. Ninho. Passado.
Rebolar. Embola. Em. Reler.
Escape. Gas. Gozo. Estar.
Portal. Entrada. Entranha. Porta.
Toque. Recolher. Receber. Toca.
Perspicaz. Cais. Cama. Periscópio.
Corte. Recorte. Repórter. Corpo.
Legislar. Giz. Gera. Lego.
Zero. Ovo. Ova. Zagaia.
Xixi. China. Choro. Xis.
Tato. Ato. Ateu. Tara.
Pesar. Massa. Mastro. Pé.
Liquidação. País. Pais. Líquido.
Pardal. Índia. Internacional. Paz. 

   

Era uma vez um cavalo pedrês na praça dos três poderes sem soldados dentro sem cavaleiro em cima...

Chequem seus reflexos a luz mais alta pode estar pra baixo estrelas que se apagam na água veículo branco de bunda pro supremo que treme diante do museu quadrado que redondo fica lá atrás no meio perto da rodô emborcado feito maloca madame mim apela pra joguinhos versus entre copas no jornal do horário nobre meu totó nikota pede bier pro bigodis bazé sem Bizé que foi com o neto ver portugana enquanto seu consultor vip entre historiadores e cineastas desfilou de toca 310 315 mostrando bons rolamentos pra 64 53 de mãos fechadas dando adeus pagando o almoço sei lá das suas prevenções não economizo no brinquedo li a brincadeira sei da insustentável leveza de ser mas mas porém por entretanto o tal portuga sem Pessoa navega sem ser preciso de olho no telão e no seu topetinho agora com risquinho de Z de Zorro nesta zorra.

quinta-feira, 26 de junho de 2014

_Aquilo que parece ser, ainda não é...

Eu não sei de febre de rato vovó não me deixava brincar com rato mas sei da febre da garganta que me distorcia o teto afastava os móveis embaralhavam as letras rótulos e mais rótulos de remédios injeção na bunda que meu braço era muito fino lavagem no reto lenço com rodelas cruas de batatinhas na testa dores de cabeça intermináveis tosse comprida de tossir até não mais sentir as costas deitado no banco duro de madeira dos prontos socorros de sampa sei de vermes gelados saindo pelas calças curtas nos bancos dos baús vômitos explodindo inesperadamente nos mais diversos locais e vovó pedindo desculpas pelo menino doente sei que não basta mas é o de menos as várias separações e perdas e danos uma luta pela sobrevivência aqui e ali Vovó tendo que ser marido pai mãe e Avó além é claro de companheira nas brincadeiras no entretenimento e ainda ajudando todos que encontrava pelo caminho caídos necessitados mas te juro Cássio não sei nada da febre do rato.

O GUARDA DA BIBLIOTECA

O lado esquerdo é de catar o lado direito é de abafar no meio há um pregador maior que o pregador dos pombos espelho grande espelho pequeno aquele que entorta e aquele que corta: desintegrar-me-ei!
Divida a arquitetura em sílabas!
Seu mico estrela está amarrado pela cintura!
O camarim está lotado!
O camarote está antenado!
O camarão está sem cabeça!
A Chucha deu um beijo na boca do Sting na saída do anexo dois CD, mas não quis beijar o Raoni!
Perguntei porquê, ela respondeu: "tu é doido, é?"!
E ainda completou, de saída: "beija você, ele eu deixo pra você!".
Quem pegou foi o meu curador!
Levou pro Peru!
Clodovil quando me viu na principal passou a entrar e sair por lá me chamava de missão impossível!
Ensinamos um caburé falar só tem papagaio!
Fizemos com que a mamãe CD adotasse o Julião!
Talvez se eu não tivesse parado de ler atrás da biblioteca para ir ler na portaria principal os malucos não tivessem enlouquecido o Corpo Humano...



quarta-feira, 25 de junho de 2014

BSB DF FOGO CERRADO DE PINGO DE MAGU DO SEPULTURA NÚMERO UM

Vieram pra copa sei lá já vi tantos destes aí neste mesmo lugar olha como ela conversa com ele será que ele sabe do fogo do josé aparecido na tocha onde acabo de incendiar gostaram das máscara dá pra identificar fiquem à vontade bandeira do equador da colômbia gosto do grafismo no preto da ponta esquerda bichinhos de luz passos diluídos a bandeira do brasil samba ninguém aí está esperando o ônibus não acho que nem subiram no museu esta hora já estava fechado mal sabem onde estão e quem observa partindo daí não vão conhecer Brasília Brasília não tem nada há ver com praça dos três poderes museus ou esplanada muitos moraram ou moram aqui sem conhecer Brasília a maioria eu diria nunca deu a volta ao mundo mais rápida pelo setor de embaixadas nem sequer freqüentaram suas festas seus concertos seus eventos abertos ao público é muito divertido conversar com os embaixadores seus adidos culturais existe Brasília pra todo gosto da amarela até a psicodélica da cinéfila a cinófila Brasília do Xadrez & Brasília das Damas...         

Aqui ninguém pede autógrafo

O chá os lares concertos desconcertos a vida londrina ou a vitamina de abacate do menino são dentes da engrenagem ou talvez ainda assim uma outra pastagem onde o poeta desprega dele mesmo e deixa a gueixa falar no improvável de um sistema qualquer uma forma híbrida uma música de sobreposições camadas de dobras de páginas sem orelhudas ali onde o sol e o aço possam alcançar o ponto de fusão satisfatório à ambos na bandeira dada sangue neve círculo no retângulo raio sugere diâmetro rumem para o tribunal de contas da união terão então uma extinta casa de chá à esquerda abaixo do plano da rua onde depois bar de bombeiro onde eu e Cássia Eller tomamos Wodca com suco de laranja enquanto ela gravava seu clip com pombos e crianças nos nossos olhares o fodam-se total nada de social a pausa do cansaço de tudo no papo reto deu tempo de tomarmos um copo duplo cada e ficamos no até um dia até quem sabe até talvez sabíamos das dificuldades na hora da despedida confirmei a ascensão ela apertando a minha mão com respeito franziu acima do lábio superior e os olhos um meio sorriso confirmaram um sinal de respeito ao fortuito encontro no buraco da praça dos três poderes ...              

terça-feira, 24 de junho de 2014

Banho De Assento

O Google é.
A Web sabe.
O macaco voa.
Suas comparações estão cheias de graxa.
Ainda assim: arenas.
Me passa o molho de bobagens!
Com mel ou sem?
Sem!
Embrulha menos?
Gosto de comer seco!
A Lagoa Da Pampulha É Uma Caminhonete Chevrolet Marta Rocha Pedrinho Terezinha Filomena Diva Paulo e eu no passado do subjuntivo!
Cartões Postais Criam Fungos.
Postagens Vírus.
Arquivologistas Sem Nobel.
   

texto minúsculo

quando jogamos o tenta pegar então desembestados pra frente rumo rede ruptura dobra punctum alegria geral dança noite crianças no pique esconde no zapon no pega pra capar eletrizados recebemos o mané e o resto vira mais do mesmo sem saber da trajetória da seta enlouquecida em campo magnético vamos pegar os opostos empurrar os iguais galinho de ouro joão do pulo maria este bueno a de mar ferreiro da silva pina marta rocha o país está bonito na fita guga lele pelé é hora de olé bandido da luz vermelha mineirinho também clarice olha que volta dá bota o meia pra girar pronto outro jogo esquece a falência é só comemorar e criar piadas de mais anos dos nomes que escaparam que conseguiram sair da merda brilhando na noite preta agora queremos neymar com y semiótico: né, e mar. Concordamos?    

segunda-feira, 23 de junho de 2014

_Embaixo do museu de Brasília, vi, e ouvi !

Aplicativo da velhice pra garotão mandar vou instalar estou baixando olha a ponta do cu do cágado piscando liga ali aperta lá siga a seta é de cagar muitas letras com pão manteiga café com leite massa francesa crocante dourada a vida do bagre sem olhos nas cavernas submersas brasileiras tem aquele micro camarão também do gelo da ponta de cá aí italiano toma aí sua bíblia azul vai rezando aí pra empatar pois se perder você pode virar tomate amassado por manifestação de play boy que pagou mais de dois mil pra ver pelada de quinta categoria que agora dá bilheteria até na China deixam de comer arroz pra ir no jogo seus ídolos não sabem chutar mas seus cabelos diversos são cortados por qualquer mal criado que tal um barbeiro que nunca repetiu um corte um pintor contemporâneo para a nova velha cabeça ...  

Repito Sérgio Bernardes 100 metros de mastro e uma área de 286 metros quadrados para Camarões nadarem

Eu não sou seu bichinho de estimação apenas o alvo de uma curtição escritor movido por uma estatística desfavorável de leitores qualquer perfil de qualquer réplica leva mais curtidas e a página-diário nenhuma ou a mesma onde anônimos fazem seus anúncios duvidosos enterrado vivo com smart-fone comprimidos uma dose de destilado lanterna imposição de gravar um vídeo de resgate a cobra preta pela fresta entra e sai com fogo e quando pensam terem te encontrado era o outro mas pedem desculpas areia do deserto no lugar do ar ampulheta últimos grãos última carga ninguém quer ser comandante do forte do deserto dos tártaros e na hora da guerra ser removido inválido pra morrer sem glória numa estalagem qualquer escrever em confronto com tudo que está sendo dito aqui e lá fora em imagens e palavras por quem escreve e por quem não escreve por quem fotografa e quem nem desconfia da fotografia sem a mínima graça de saber pois o Google sabe ele É.
Referências de Mal Ditos anteriores não garantem mais uma posteridade.
No entanto não me movo para a sua grande placa-anunciante!

domingo, 22 de junho de 2014

_Ó O Mastro Do Sérgio Bernardes Aí Ó!

Durex Brasil Chegou
Labirinto Americano
Calúnias
Os Chimpanzés Entristecem Quando Vai A Mãe Ou Um Amigo
Sonhei com zero, vai dar jacaré!
Diplomacia Do Devaneio
Aspirinas Gulosas
Na Defesa Do Verbete
Termo enciclopedista diário
Estou ouvindo um gol abafado!
Pipoca com banana vira milho
Termo Solar
Caleidoscópio dança formas!
Argélia Estrangeira está enfiando 3 na Coréia ...








  

Outras Arquiteturas

No Olho Da Bandeira.
Construção Destrambelhada.
Parece Gol De Africano.
Siga a noite encontre o mastro.
Meti como um desaforado.
Linha Do Horizonte De Mármore.
A Lua Quer Ser Uma Flor Do Mar.
Olhar Vulcânico.
Ouro na lua crepitando nas profundezas marítimas.
O peixe das cavernas brasileiras é um bagre cego ou um cascudo olhado aqui e ali male male com um campo magnético dos diabos.
Este horizonte é parte de uma semi-reta de uma parábola. 
HERMENIAS SEMICURVA
Ela rincha.
Por gramados públicos.
Lua do cerrado atrás do mastro carioca.
Por favor, me tragam a Cadeira-Rampa Do Sérgio Bernardes!
      

sábado, 21 de junho de 2014

_As cores da minha sina!

Conheço melhor esta portaria que a minha atual casa cada gesto de quem passa de quem espera o elevador de quem para pra conversar de 81 pra cá raro foi o dia que aí não estive juro que pensei que ia cair um dia desta passarela no espelho d'água me sujar nas merdas dos gansos patos cisnes pombos bem-te-vis desfilei no mármore branco várias personas deste ser vejam quem vem lá enquanto as horas passam de plantão se eu quiser entra aquela ponta de cúpula de lá não é desta faixada de cá mesmo numa sessão conjunta existe uma fronteira entre as duas câmaras fácil de atravessar quando o guarda não agüenta mais esperar e vai até o outro lado pedir café pra misturar com álcool que a moça da limpeza esqueceu embaixo do balcão bebericando bem devagar aquecendo antes de chegar no bar cada plantão é um livro que você não vai ler leitor!     

_A película derrete-se pela noite!

Vi esta figura sair daquela kombi!
Ele tem um aparelho metálico ...
Braços com mais articulações ...
Cérebro aparente ...
Olhar profundo ...
Nariz proeminente ...
Se veste de noite!
Não se corta na luz ...
Parece estar medindo sua capacidade estelar ...
Fazendo o quê estava fazendo parecia não querer fazer outra coisa.
Meninos nos seus joelhos!
Por onde andou deixou luz ...
Não há boca só noite no lugar ...
Assim como queixo e ouvido ...
Seus cabelos grandes misturam-se no vazio da noite do corpo deixando de fora apenas testa nariz e braços!
Ele não parece gostar muito de coqueiros ...
Hora nenhuma pareceu ter me visto!
Foi objetivo no seu fazer.

sexta-feira, 20 de junho de 2014

Toda cortinada...

Dizem que esta kombi é uma ilha.
Linhada com aquele gabinete aceso.
Uma kombi desta bem reformada vale mais de 20 contos.
Dentista-prático.
Pronto-socorro-de-pobre.
Observatório-de-partido.
Carro-casa.
Presepada-de-guarda.
Quiosque-ambulante.
Laboratório-fotográfico.
Pinhole.
Meio-de-vida.
Esquece a kombi!
O gabinete está compenetrado.
Com seus olhos de quadro.
E boca de computador.
Orelha de porta de deputado.
Pintei o primeiro meio-fio!
Vi esta árvore crescer da guarita de trás da biblioteca enquanto lia.
Consegue ver algumas figuras medievais na minha árvore?  

Rei coça o braço na luz amarela

Suba correndo no seu máximo desempenho.
4 linhas de travessões.
Outros verticais fincados no canto esquerdo.
Placa-Preta-Travessão!
Laterais verdes e amarelos com luzes vermelhas na cabeça.
Quantos carros raparam neste asfalto enquanto ele foi fotografado?
Azul-américa-do-sul!
Quem colocou luz nas costas dos postes?
Uma ligeira inclinação pra esquerda inclui traço branco na placa preta.
Árvore deixa revelar ponto amarelo do quarto ministério!
Noite preta sobre asfalto cinza com listras brancas.
Silêncio...
4 vermelhas, 3 amarelas, 1 azul, 16 amarelas=23
21 traços brancos.
Duas vão rolar na Paulista!

quinta-feira, 19 de junho de 2014

... em sete fatias, gelo, tinge com Fernet!

Pé De Câmara.
Quais os planos?
Olhos pra cá!
Então vamos enfeitar de palmeiras imperiais?
Fatia em 7!
Machadinha com a sétima?
Cabo de fogo!
Boca de coqueiro?
Nariz de voodoo!
Abelha no bigodinho de mel?
Ouvido de tapume!
Ninguém quer fotografar atrás dos troncos?
Hoje não teve sessão!
Qual é seita?
Partido verde!
Português?
Está amarelando...
Quer colocar na orelha dela?

Mandei iluminar os degraus para que subas pelo canto esquerdo

A Kombi Voltou.
Mas todos os postes ganharam luz nas costas até o que teve a cabeça cortada.
Deve ser difícil mesmo o belo ter que ficar feio pra agradar o 171.
Gordura pra todo lado, de escorregar.
A mesma.
O Palácio Da Justiça Ficou Bem Sutil!
Dados Ministérios.
Os óculos de ver teatro com uma fina haste são atuais.
Deu galho diagonal plantado no canto direito.
Os Senhores Do Verde Colocaram Seus Paus Pra Baixo.
Duas setas brancas pintadas na direção da Kombi!
Será Que Vão Assaltar?
A perspectiva da esquerda parece maior que a direita.
Que bunda é aquela depois da Kombi? 
Nora que passa parecer sogra.
Genro assume sogro.
E A BIADINHA SEM GRAÇA DO PICO DA MOÇA DA DIABA.

quarta-feira, 18 de junho de 2014

Monges cabisbaixos de mãos nos bolsos com mantos felpudos...

Espanha já voou.
Austrália também.
Nada de touro.
Nada de canguru.
As rodas são vermelhas, mas o eixo é azul ...
... flutuando sobre uma linha branca ...
Senhores do verde são mais altos que montanha.
Aquele sol pálido deve estar com verme.
No mais, o preto do asfalto fundido na noite...
Silhuetas de plantas ornamentais com fundo arquitectónico de concreto armado.
Agora vamos comer um camarão croata, sem sal!
  

_Contra-Ponto do fim da minha rua!

Quarta feira boba.
Ou do lado de fora.
Entre lagos condomínio.
Total, pagou um ligeiro elogio.
Era de se esperar da industria-esporte.
Escola de Frankfurt, am Main ... 
Franco & Forte Frank foi pesquisar.
A cópia está mandando mais que o original?
Depende da conveniência!
Ela de ligas faz a contabilidade sem tirar a longa piteira dos lábios de sangue.
Enquanto o demônio desfila sua coleção.
Por partes, vamos descascar a banana ...
Me dá um espelho de bolso e pode levar o ouro!
Noves dentro: 21.
Século Do Jogo?
José nos deixou aqui cheio de gringos e foi pra gringa.
Se a festa acabar eles vão brigar?
Viena não quer emprestar a valsa!
Quem rodou até os 50 não precisa rodar na terceira idade ...
Master Dá Dinheiro!
Frank então seco de correr investiu na bolsa.
Aprendeu beber vinho sem se embebedar foi morrer no mar?
Que nada se mudou pra Frankfort lá no Condado De Franklin!


terça-feira, 17 de junho de 2014

_Enquanto isto esquio pro meu neto ver!

Sim sei quando quer subir até o guarda ajuda tomara que cai santo tropel ma que cavalo quer andar sem sela de treta com o DG em pulos internacionais oreia de marmelo agora a chave está com o marquês de quem é a vez de pitá goras ovos de pássaros azuis calculam um clic do 28 quantos segundos vai durar a queda antes de voar aproveite até  expulsaria com 70 independente morde o próprio rabo se México faz ostras de pérolas grupais dom juan ri na sua cagada delongas meu brother patuás de molinhas estica encolhe estou recebendo os cartões postais e distribuindo nas confrarias disto e daquilo texto impedido nadava na ilha fazendo spray de baleia branca maior pro ar é você o capitão de sete mares que vai pescar?    

segunda-feira, 16 de junho de 2014

Lígia, vamos torcer para os estados unidos?

Eu não senti o cuspe na cara cospe aqui nem chute na canela colombo não atravessei a linha riscada no chão com ponta de dedão do pé eu sou um mané toca popota tabaréu turrão cama de gato ignorei de costas na grama que era lugar melhor de cair pro gato seco aqui sim repeti na mudança tanto de pai como de país me adapto encontro o mesmo barranco pesco no mesmo poço se fundo se raso depende da linha do chumbo da flexibilidade da vara toca Lero Lero com o Lobo será meu hino dependura a bandeira do Japão meu pavilhão os símbolos da armas e do selo colham libélulas de todos os tipos a fonte Georgia Maior bom então agora vou ver como está jogando o inimigo ele vem até melhorando gosto de ver eles pelejarem com a pelota, pô véi nem deu pelota!
    

Sabiás do cerrado com zarabatana de cano de antena de televisão

 não quero brincar com as suas figurinhas do passado tão pouco seus álbuns e os ícones de cada novo aplicativo me deixa brincar todas as outras brincadeiras depois brincamos disto quando estivermos sozinhos parece dizer enquanto me ajuda narrar aqui e ali no elástico das ações transformadas em tiros de ar comprimido de ases de copas embaralha lá que embaralho aqui até agora só os contextos dos jogos comentaristas-curadores parte da industria futebol será que já superou a rede de medicamentos abra no oráculo meu irmão de terno pobre Capone que capote africano virou moda nos dez mil está ruim de subir com colombiano o Touro comeu todo o saibro francês quando dia 5 começar o Tour com as mulheres também largando vamos comentar Jeannie Longo Ciprelli vai largar?          

domingo, 15 de junho de 2014

Pardais, Anteparos,

Alucinado de estrelas chutou latas, vazio, sem escolher um caminho.
Roteiro por terminar prazo vencido, ele não queria descer até ao bar ...
Do outro lado na mesa limpa aquele que recebia se saía bem dentro de um terno. 
Noite.
Que de dia seu lobo não vinha.
Uivou.
Por na vitrola Nat King Cole ...
Rabo De galo.
Um Do Puro Trem Chegando Entra Na Tela.
Toda a indiferença da via.
As borbulhas da sua copa entornam em espuma ...
Aquela arma portátil não vai ser apertada ligas de botão despregam.
Um gato preto pela janela com silhueta de lua desliza na ponta das unhas, toque!
A palavra sedução é um entrecortar de almas mortas, com pêlo!
Curtas com roteiros temáticos ... 
Se não descobre a fresta do sistema acaba sistemático. 
  

Arquitetura De João De Barro Brasiliense

Rou beire Baby beire também já beirei pelas beiradas o texto de hoje se quer uma letra de um ritmo popular de massa rock rock rock é o rato e are]ratinha namorando de toques minhas letras estão jogando dedo erra me filmar seria mais interessante enquanto sistema vícios frestas vias fora da estrada principal peço de Zappa pra lá ouvi menino comportado antes de arrombar não preciso de nenhuma sistematização olha que engraçado ele diz saber de uma sistematização e se engana quanto ao sistema por favor amores me desenhem uma Noruega rodinha pra brincar de sabidinho passem o anel é de brilhante não o engodo de uma pretensa conversação é de mistério de pedra de caminho de ilha de mar rio córrego ri acho que talvez me leia numa BR INFINITA pegando carona com os caminhoneiros sem nenhum preconceito de onde beber sem nenhum clichê de vendedor minhas pregas quando preguei minhas dobras quando dobrei do lado de lá tem uma lua nunca fui lá aurora boreal meu hálito de um frio preferível ponto encontro mas por favor retire a sobre casaca velhos riem de suas próprias presepadas desenganos sirvam mais salgadinho ali para aquele menininho com cara de estrela do mar!  

sábado, 14 de junho de 2014

_Pode cortar o rabo desde que tenha olho, me disse um fotógrafo de pássaros!

Ih, devo pedir desculpas a minha nação de meia dúzias acho que só vai dar pra narrar meio tempo do jogo das 13h e talvez só o segundo do jogo das 16 é que hoje vamos comemorar o aniversário da Thaís aqui no clube do condô venham todos e se submetam ao regime daqui que foi dia 11 e já comemos uma pizza com Artur José Bárbara Wilson Ela Eu e a mãe dela mas hoje que vai ser o federal sabem esta pesquisa-projeto de narrar jogos da copa de graça foi divertido ontem só que relaxei apenas com a chegada da Lígia & Charles às 23:07 eu estava terminando de ver O Menino De Ouro terminamos de ver juntos gostamos da cara do menininho de óculos achamos parecido com nosso falecido amigo Tartaruga Ninja o Tarta O Tartaruga O Tulum O Ninja No nosso caso o anjo era torto mentiroso e alguns outros defeitos que um dia eu disse a ele ter todos que também tenho mesmo que trancados em segredos literários numa partida de futebol de copa no Brasil pois a de 50 está no HD do rádio jornal falado no nosso dia a dia é lenda é folclore fábula do nosso imaginário com distorções necessárias de finta-drible-ginga passar por isto e por aquilo até beijar a rede com bola e tudo que vontade da Austrália o dinheiro endureceu Camarões mas nada como a Holanda quando recebe o Van Gogh a meninada nem vê o TOURO que só Nadal pra amenizar quanto ao Brasil vem falando que Neymar é Deus até ele amarelar em Santos Pelé pareceu gaga de museu, vamos esperar, até lá!   

sexta-feira, 13 de junho de 2014

_Esta fêmea de Bem-Te-Vi nem cantou!

Os tambores do candomblé legitimo sem imitação com as escolas de samba das periferias cachaça de graça pra todos com charutos baianos teria ficado melhor que aquela apresentação patética cheia de espaços vazios uma composição que qualquer artista mostra do seu ipad com o mínimo esforço sem gastar dinheiro colocasse uma macumba com os Rolling Stones mandando Sympathy For The Devil ninguém iria reclamar agora Rum com Leite mais sei lá o quê é de cagar não é não meu irmão até o crente concordou a nossa cultura é muito mais que produtores partidários etc e tal e me deixam que vou narrar o jogo das 16h!  

O canto de acasalamento do João-de-barro

Estou narrando os jogos que vejo da copa ontem narrei aquele 3-1 ninguém queria comentar a saída do bundudo mas depois o nariz veio e comentou vocês estão entendendo os reis do barro daqui não se importam de levar fintas ou dribles de garrinchas e no entanto os xadrezinhos de sangue com leite estavam até eficientes com 3toques estavam chegando no gol mas de tanto ver nossos moleques tocarem recuarem cera ceradeira e ainda empatarem entraram na deles começou uma certa sutil hesitação nos homens de lá porquê copa do mundo é pra homem com h não é pra menino com m y não tem nem um menino lá além do mais cantor até morrer eu sou e na minha escola eu vou na minha rua o que rolar meto pro gol à lá Jair o deixa que eu digo deixa isto pra lá vem pra cá ou o furacão de todas as copas: Eu e minhas filhas nascemos em 58 78 82 86 liga pra cá!   

quinta-feira, 12 de junho de 2014

Este Tico Tico no fio está triste porquê não foi convidado pra apitar

Pimenta nos olhos dos outros refresca aberta a temporada de pesca natimorto inspira transplante de coração como nada bem a dinamarquesa do peito canário do reino queria fazer um bolão se contentou em descer pela contra mão chapéu de silicone para trufas ele está querendo comer todo o meu fubá ouvi pequeno aqui acolá caos das linguagens quer comer verde azul tocou melancolia amarela de ouro sorria branco dentifrício num único pendão vamos mudar de canal e ouvir Jamelão foguetes pipocam crianças algazarra de pássaros cães latem e só desço pra ver paralítico correr e dar o pontapé inicial a copa aqui tem mandinga uruguaia que não se sabe se pai de santo de Itaquera tira no lugar do samba vão apresentar um pitbull mordendo leite estragado com suco de laranja artificial olé olá será que vai dar ou vai descer ou vai empurrar com a barriga?           

Barro de prata da casa

Na paisagem tem um bloco.
Neste bloco tem um mundo.
O Paulinho falou que fazem barulho a noite inteira.
Quando dormi no do Arnaldo escutei mesmo.
Carrijo foi pra Croácia.
Como gosta de dizer o Álvaro quando me vê: quem é do mar é marujo quem é do ar é Araújo.
Como ele percebeu logo de cara no primeiro contato que eu era do ar?
Fomos conhecer a coleção de canecos do seu Ramalho num sábado ensolarado.
Assim que cheguei bateram de moto no carro do Marcão não quiseram pagar falei vamos embora já recebi: peguei um dos capacetes o Chicão falou que ficou muito tempo em cima da sua geladeira aí um dia vendeu perguntei se ele deu o dinheiro pro Marcão claro que não ele não liga pra isto não.
O disco voador escapou de cima do arroz assim que o Gil abriu a tampa da marmita foi parar  na careca do deputado lá embaixo do plenário da comissão de justiça.
Dois dos nossos no primeiro plantão na casa do presidente pediram pra senhora Marchezan fritar uns ovos.
O Queiroz Dormiu no Dodge do Flávio Marcílio que desarmando-o ligou pro diretor mandar outro que aquele ele já havia desarmado.
Fizemos amizade com o homem do jiló na feira do Ban Ban só porque ele parecia o Amigo Da Onça.
Quem estava no vizinhança da sul quando o cacete do Bandeirante comeu solto?
Como era mesmo ser Brasileiro em junho de 79?
Com 21. 
   



quarta-feira, 11 de junho de 2014

Sai do bloco e cai na L2

No primeiro entendimento deveriam nos dizer é só uma repetição da tentativa anterior assim como deveríamos também dizer aos nossos filhotes no entanto alimentamos uma dita esperança que nem sabíamos mais ter pro mesmo ato as mesmas buscas nas mesmas janelas e portais com grades ou sem se ele não limpar aqui vou pra onde está limpo enquanto posso me deslocar é claro a câmara clara a caixa preta sobre fotografia as dicas dos mestres textolatria quer editar novos cartões postais com estatística à tira colo vos digo meus súditos o caminho precisa ser lambido com saliva de cobra visto com olhos de mosca escutado com orelhas cortadas de um Doberman cheirado com o longo nariz do Borzoi sentido com tato de sanguessuga ainda assim contar com um vento à favor na hora de deslizar as tripas negras sem titubeio no transito em transe de seta vetor rumo ao corpo na estrada em frente sabendo aparar curvas fora do ponto de retorno uma tocada com os dedos na palma da mão sapateada sem dó das pernas não uma dança de exibição. 

_Enquanto eu subia ela descia!

A televisão aqui é assim.
Já fizemos a nave espacial.
Enquanto foi necessário.
No Google tem Citador.
Meu editor está esperando mil imagens desde 2009!
Quase que palmeiras encobrem.
Debaixo do bloco.
O arquivo está sendo corrigido nas horas vagas do TRE.
Machado no tronco da Sucupira.
E, alguns gravetos...
Enquanto alugam amigos para estrangeiros me dou de graça em tempo integral, não vão querer nem ir no estádio verão pela televisão com os meus comentários.
Dois pratos de vidro marrom que nos acompanham desde o casamento com o farol da B`coool dentro e uma escadinha de lego que o Artur preparou para que possam pisar no nosso quintal antes do apito inicial.
No Dia Que Fui Na Casa Do Jabuti Pela Primeira Vez Ele Exigiu Meu Passe Pra Associação Nacional.
E olha que só tinha mostrado um blues no branco.
Aceitei para não magoa-lo fiquei o suficiente para o doutorado em antropologia!
Daquele imaginário das letras sei correr.
Assim como também o museu.
As galerias.
Os projetos.
As pesquisas.
Os membros de ouro.
Corro Demais? 

terça-feira, 10 de junho de 2014

_Escrevo-lhe, ele voltou!

A cidade dele também já não existe mais.
Ele tão pouco.
Voava pra entregar a correspondência.
-Agora vamos ler Vôo Noturno, Vô!?
Talvez até Terra Dos Homens.
Perdido no Triángulo Das Bermudas.
Via picada de serpente amarela.
Tocou pro B612
-B612 Foundation? 
Resultado de água puxada por roldana enferrujada cantando a canção de matar a sede no deserto. 
-"Encontrados os corpos de 87 imigrantes mortos de sede no deserto do Saara"! 
Não conheceram O Principezinho.
Ele riu dos homens nos seus planetas.
Mas, não riu da raposa.
No final ele disse que gostou com uma voz quase embargada, afinal foi de uma sentada, precisávamos de água eu bebi me lavei e deitei ele foi com avó pra piscina brincar de nadar.
Saíram na hora que acordei ainda tomamos o café da tarde juntos rindo... acho que nos cativamos... 
    

FEDERADO

Vamos tomar um caldo de cana com limão capeta lá no C.O aproveitar o sol na piscina quem sabe ASCADE com camarão e chope de graça com sinucão 7 bolas engordamos o tempo   vamos brasiliar bicicletando com os poetas da UNB ou subimos pro torto e antes damos uma parada na pau brasília compramos todas as mudas e trazemos o dono pra comer em casa enquanto acertamos o reflorescimento de volta ao torto pergunto ao figueiredo se podemos fazer upa upa é claro mais vale uma filha na mão que dois pais observando permita-me CHICO amanhã devolvo com algo digital assim Ó : aqui quando precisamos de curtir uma tribo diferente sabemos para onde foi removida toca pra C>I quem quiser ir figas empresta uma égua vamos por dentro do parque nacional vulga água mineral aqui nós dominamos o matagal até quando deitam nossas bicicletas no capim cana pau de arara a meninada conta falam também de sub-solo-forte-anti-bombas debaixo do lago cabe quantos lá?     

segunda-feira, 9 de junho de 2014

Observe este cachorro sentado no banco conversando com dois homens

...preciso dizer do ortopedista que fomos ver eu meu historiador e minha pretinha atendeu nós 3 em meia consulta me receitou antiinflamatório e relaxante muscular pensando que vou tomar detectou uma facite-plantar no pé da minha mulher só de olhar de lá fomos direto para os exames logo atrás que lá sim tudo ficou pronto na mesma tarde depois de umas vejas e umas épocas enquanto Bizé fazia sua mamo-grafia e densidade óssea comemos dois pães de queijo e fui de café de garrafa azul escuro e o Paulo pediu suco artificial pra aparecer com sua camisa verde e amarela também disfarce de torcedor paguei acho que onze voltamos fomos no carro dele pegar meu rapé e de quebra no caminho ainda fotografei a cidade com areia movediça fiquei sabendo que o João Gilberto com 82 ganhou um processo e está fazendo novos arranjos para a sua obra...   

Rei-Blues

Não Renatinho, eu não quero disputar no palitinho quem é o mais sabidinho!
Ficou todo em riste em cima de mim babando!
Imperturbável mantive o personagem gago de letras!
Frase chicote reservo para os sóbrios chave puxão de orelha pode estar entre linhas...
Mesmo depois do copo de vinho na perna senti a mudança de temperatura mas nem me levantei pode ficar de pé de ouvido com o guarda a festa está curtindo o aluguel depois da fogueira!
Acaba de perder uma semana em cinco estrelas internacional!
E nem viu.
Pensou poder me incluir no mesmo curral prado pedreira sou cabra das montanhas lá onde ninguém quer ir pegar pra matar ela não desce lambe pedras...
Vai dizer pro Jagger que ele é bicudo?
Nos lampejos me quis Oiticica...
Já me quiseram Joyce!
Sou apenas o Filho De Robin.
Sabe dos filhos do embaixador da Bélgica Tinko & Álex: ensinei eles a falarem português com as letras da música popular brasileira inclusive com o seu telefone muito pouco!
Dei seu disco de presente para os europeus da história da arte!
E é um prazer danado te fotografar pela quinta vez!

domingo, 8 de junho de 2014

_Vamos ver quem chega no lago primeiro!

3 back - up`s & uma mente.
A conversa da analyze.
Papo de begum.
MISHIMA ME CHAMA
Corte.
Sangue na página.
Penetraram o país do futuro.
Nadal 9 RG.
Ok, vamos escrever era uma vez sim não disse talvez quem sabe o amanhã sabe medo depois da morte saberão dizer sem?
Elemento do ar!
Baleias de neon flutuam bebendo o plancton do éter...
Meu colega de bairro pergunta:"tá assustado?".
Vou falar com o Edvaldo Santana pra rolarmos o clip da Rua 3!
Vamos dar rolé na Vila Nitro Operária, de noite, no dedão!
Tobias, ontem rolou um bilisquete-made-BSB!
Queria ver o Pico aqui!
Paulinho.
Toiinho.
...Todos os nossos nas nossas canções...
Quase dancei minhas pernas marcaram o compasso da meia lua testemunha!
Eu Marquinho & o Hipe, descendo pro parque paulistano atravessando a linha do trem no escuro e voltando incandescentes...
Mas mais mais preciso continuar no sapatinho eu fui laço cor de rosa encontrar e dentro dele eu vou por o meu pé e emprestar sei lá como era mesmo?
Como faço pra fugir da copa?
Será que vai ter copa no Peixoto?
O condomínio vai pirar?